Afinal, o que se passa com o talento? - Escolher

28.11.2019 / por Maria Emília Azevedo

post-blog-rhmais-Afinal-o-que-se-passa-com-o-talento-Escolher

A criação de ‘start-ups', entre outras, fez aumentar bastante a procura de talento, levando o desemprego para níveis muito baixos


A escassez de talento é igualmente uma realidade para Maria Emília Azevedo, diretora coordenadora da RHmais para as áreas de Recrutamento & Seleção, Outsourcing e Handling.

«Com o crescimento económico», explica, «a procura do nosso país por parte de empresas internacionais, quer para a implementação de 'share services', quer para a criação de ‘start-ups', entre outras, fez aumentar bastante a procura de talento, levando o desemprego para níveis muito baixos», e «também a evolução tecnológica criou a necessidade de novas competências,nas mais diversas áreas, de uma forma muito rápida, não dando tempo ao mercado para formar os recursos suficientes, face à procura.»

Maria Emília Azevedo destaca claramente as TI, «como tem sido amplamente falado, não só em Portugal, mas em toda a Europa», como «uma das áreas mais difíceis». E acrescenta: «Na área do turismo, basta olhar para o crescimento exponencial dos últimos anos para percebermos que o mercado não teve tempo de se adaptar.

Os 'customer services' tornaram-se uma grande e importante fatia do mercado de trabalho no entanto, a perceção desta área por quem procura emprego é ainda muito negativa, e diria mesmo que muitos empregadores ainda não perceberam a importância que ela tem, pela proximidade com o cliente. Algumas engenharias e o 'marketing' digital são áreas em que a procura é maior do que a oferta.

Quanto ao tema da retenção, a qualidade do desafio proposto e o equilíbrio com a vida pessoal são exigências cada vez mais presentes, tendo as empresas que garantir que as suas estruturas proporcionam bem-estar, formação e desafios, sob risco de perderem os talentos para outras organizações.

O salário é um fator importante, mas é no equilíbrio de tudo que as decisões de continuidade são garantidas. E para as empresas, mais do que escolher a pessoa certa o desafio está em garantir que as pessoas também sentem a empresa como a escolha certa; este é o fator diferenciador para atrair e reter os talentos que as empresas procuram e de que precisam.»

in Human, 31 de outubro de 2019

Tópicos: Recrutamento e Seleção Grupo RHmais

Maria Emília Azevedo

Escrito por Maria Emília Azevedo

Diretora Coordenadora de Recrutamento & Seleção, Outsourcing e Handling RHmais.

Receba as nossas dicas, boas práticas e novidades

Artigos do Blog

eBook Gratuito
“10 Medidas Contra o Absentismo”
Guia Prático 10 Medidas contra o Absentismo Rhmais.png
Download eBook